FANDOM


O nome da deusa imparcial da morte foi esquecido há muito tempo, mas ela é chamada de Rainha de Rapina. Ela é a fiandeira do destino e a padroeira do inverno. Ela marca o fim de cada vida mortal e os pranteadores clamam por ela durante os ritos funerários, na esperança de que ela proteja os falecidos da maldição dos mortos-vivos. Ela espera que seus seguidores:

  • Não demonstrem piedade pelos que sofrem e morrem, pois a morte é o término natural da vida.
  • Derrubem os presunçosos que tentam se livrar das correntes do destino. Como um instrumento da Rainha de Rapina, é preciso punir a arrogância onde ela estiver.
  • Procurem os cultos de Orcus e tentem destruí-los quando eles surgirem. O Príncipe Demoníaco dos Mortos-Vivos busca tomar o trono da Rainha de Rapina.

ReferênciasEditar

  1. D&D 4º edição - Livro do Jogador